RJ DOMINADO: CONDENADO PELA JUSTIÇA SERÁ VICE DE CLÁUDIO CASTRO

 

Com mais de 100 processos, várias condenações, Washington Reis (MDB), o vice de Cláudio Castro (PL), é ligado a Sérgio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro condenado a mais de 300 anos de prisão por corrupção ativa e passiva.

O anúncio foi feito pelo atual governador, ao lado do ex-preso na Lava-jato Waldemar Costa Neto (PL) e do senador das Mansões, Flávio Bolsonaro (PL): “Agora é oficial: meu amigo Washington Reis aceitou o convite e será meu companheiro nesta jornada de reconstrução do Rio”, publicou Castro.

Na noite desta terça-feira (28/06), em Brasília, uma reunião acaba de concretizar a aliança que define o nome de Washington Reis (MDB), ex-prefeito de Duque de Caxias, para concorrer ao cargo de vice-governador do Rio de Janeiro, ao lado do governador Cláudio Castro (PL), no próximo pleito eleitoral, em outubro.
Além de Castro e Reis, participaram da reunião, o senador Flávio Bolsonaro, o presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto, o deputado estadual Rosenverg Reis, deputado federal Gutemberg Reis, deputado federal Altineu Côrtes, senador Romário e o deputado federal Baleia Rossi, presidente nacional do MDB.

Aliado do presidente Jair Bolsonaro (PL), o nome de Washington Reis agrada a base governista, sobretudo de Flávio Bolsonaro. A expectativa é de que o emedebista consiga angariar votos dos moradores da Baixada Fluminense.

Ex-prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis foi condenado por crime ambiental em 2016, por uma determinação do STF (Supremo Tribunal Federal), e se tornou inelegível. No entanto, o político mantém seus direitos políticos graças a um pedido de vista do ministro Kássio Nunes Marques (nomeado por Bolsonaro) em um processo que ainda tramita na Corte. Agora, cabe ao TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio) decidir ou não pela elegibilidade de Reis. Washington Reis tem se notabilizado por tirar nome de personalidades católicas (Zilda Arrns) de equipamentos públicos( escolas municipais), para puxar-saco da família Bolsonaro, colocando nomes dos pais do atual presidente.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.