Coluna Zona Franca

Lula

Que o ex-presidente Lula está em primeiro lugar nas pesquisas, disso não temos dúvidas. Mas, que eles, ensandecidos bolsonaristas estão à todo vapor, sem ética, sem pudor e sem escrúpulos, fazendo de tudo para reverter isso, estão. É impressionante a chuva, digo, melhor, a tempestade, o dilúvio de fake news absurdos que estão sendo disseminados nas redes  sociais. É para tirar qualquer um do sério.

Freixo in Rio

A festa de aniversário dos 55 anos do deputado federal Marcelo Freixo (PSB-RJ), na semana passada, em um bar da zona norte do Rio, indicou que a principal estratégia dele para a campanha ao governo do Rio de Janeiro será colar sua imagem à do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Máscaras de papelão divididas com os rostos de Lula e Freixo foram distribuídas aos convidados e o bolo de aniversário estampava uma foto grande do aniversariante de mãos dadas com o ex-presidente. O deputado também lançou o jingle da pré-campanha, com a expressão “Freixo e Lula” repetida quatro vezes no refrão.  Freixo está em segundo nas pesquisas.

Haddad in SP

Mas, quem está surfando bem a onda Lula é o ex-ministro da Educação, Fernando Haddad (PT-SP). Está disparado em primeiro lugar para o governo de São Paulo.

Saúde prioridade zero

Somente agora, no finalzinho da prorrogação e quase indo para os pênaltis que o governo Bolsonaro reativou o Mais Médico travestido com outro nome. Após a morte de quase 1 milhão de pessoas pela Covid e outras doenças. No caso da pandemia, a irresponsabilidade foi grande. Fez pouco caso do vírus e renega até hoje a eficácia das vacinas. Enquanto isso, dinheiro pra orgias sexuais nos quartéis não falta.

Privatização não

O Brasil hoje tem a segunda conta de energia mais cara do mundo. E a culpa foi as privatizações das empresas de transmissão regionais. Em Rondônia, que o diga, a Energisa triplicou o valor das contas. E vai piorar.

Lula pode?

O ex-presidente do STF Nelson Jobim, consultou militares para saber se Lula tomará posse se for eleito democraticamente. Vai que só pode miliciano.

Maio maior

O mês de maio que se aproxima será decisivo para o futuro do Brasil. Dia 1 comemora-se o Dia do Trabalhador e terá festas promovidas por entidades sindicais de todo o Brasil. São Paulo terá shows e sorteios. Dia 7 de maio Lula lança oficialmente a candidatura dele à presidência da República. Dia 18 de maio o União Brasil e alguns partidos como o Podemos vão lançar o candidato oficial da terceira via.

Sintomático

Na política, muitas das vezes, o que acontece numa sala, fica na sala. Algumas vezes vazam informações escabrosas. Um grupo político de Rondônia está prestes a explodir. Não dou uma semana para que assuntos intramuros sejam expostos. Tem um político sem mandato que em breve não vai se conter e expor sua raiva contra quem já apoiou e está  tomando prejuízo.

Nosferatu

O senador Marcos Rogério (PL-RO) ainda não conseguiu amealhar apoio para a candidatura dele ao governo de Rondônia. MR continua com pé em Brasília e defendendo Bolsonaro. Na semana passada ele criticou a oposição por querer investigar corrupção no MEC via CPI. Já pensou esse ser como governador de Rondônia? Como se diz, “deuzulivi”.

Sucessão estadual RO

O governador de Rondônia, coronel bolsonarista (ele gosta dessa citação) Marcos Rocha (União Brasil) é o mais forte candidato nestas eleições. Como Bolsonaro, conseguiu “atrair”  a maioria dos prefeitos e quase a totalidade de deputados estaduais pela reeleição dele. O senador Marcos Rogério que nem “foge” e nem sai  de cima aparece em segundo lugar colado em Léo Moraes (Podemos, com P sem H). A Frende Democrática liderada por Anselmo de Jesus (PT) vem crescendo com apoio de vários partidos de esquerda como PSB, Solidariedade, PV, PSOL e PCdoB. Pode surpreender e ir para o segundo turno com o racha dos bolsonaristas.

Eleição proporcional RO

Os nomes mais fortes para deputado federal, são estes: Fátima Cleide (PT), Jesualdo Pires (PSB), Samuel Costa (PCdoB), Claudio Carvalho (PT), Dr. Fernando Máximo (União Brasil),  Pimenta de Rondônia (PSOL), Alessandra Lunas (PT) e Almir Suruí (PDT). Já para deputado estadual, eis a lista. Adriano de Castro (Avante), Hermínio Coelho (PT), Sid Orleans (PT), Bosco da Federal (PL), Everaldo Fogaça (Republicanos), Mayara Kalb (Cidadania) Ieda Chaves (União Brasil), Dra. Taíssa Souza (PSC-GUAJARÁ), Vandeir Leite (PT), Professora Lílian (PT-Guajará), Raí Ferreira (PSD), dentre outros. 

Fora do páreo

O jornalista Ro13erto Kuppê não será mais candidato a deputado federal pelo PT de Rondônia nessas eleições, por conta de uma multa a filiação não foi efetivada pelo TRE-RO. Mas, segundo o TSE, RK continua e poderia sair candidato pelo PDT. Porém, ele avisou que pelo partido do bolsonarista Ciro Gomes ele disse que não sai de jeito nenhum e ponto final. O jornalista revelou que está finalizando o livro autobiográfico e que vai, finalmente, botar pra frente o INSTITUTO RONDON.

Email da coluna rkuppe@gmail.com

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.