Covid: Até fevereiro teremos 50% da população de Goiás contaminada, diz secretário de Saúde

O Secretário de Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, avalia que até meados de fevereiros 50% da população do Estado será contaminada pela Covid-19. A avaliação leva em conta o ritmo atual de propagação da variante ômicron do coronavírus Sars-Cov-2.

“O ritmo de contaminação está muito grande. Mapeamento genético realizado pela secretaria apontou que, entre os dias 6 e 13 de janeiro, 100% das pessoas contaminadas estavam com a variante ômicron, que se transmite muito rapidamente. Como a população está transitando livremente, acreditamos que até meados de fevereiro 50% da população goiana será contaminada”, explica.

No entanto, Ismael Alexandrino aponta que as internações e casos graves devem permanecer mais baixos devido a vacinação. “Claro que esse número [de 50% da população contaminada] não deve ser transportado de forma automática para internações e mortes. No entanto, é preciso ter cautela. Como tem um número muito grande de contaminados os números podem aumentar. Então o uso da máscara tem que continuar e a vacinação ser feita”, diz.

Novo pico de contaminações por Covid-19 em Goiás

 

Foto: Reprodução

Goiás deve passar por novo pico de casos de Covid-19. A previsão do secretário de Saúde é que a curva de contaminação deve subir até meados de fevereiro, com platô até o início de março. A partir da segunda semana de março, os números devem começar a cair.

A tendência é semelhante à que ocorre em países como Estados Unidos e Reino Unido, que tiveram curva ascendente acentuada de pelo menos quatro semanas, platô e posterior queda devido à presença da variante ômicron.

Segundo dados da Secretaria de Saúde de Goiás de quinta-feira (20) confirmam 6.143 contaminações nas últimas 24 horas. Houve no mesmo período 23 mortes.

Mais Goiás

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.